Posts Tagged ‘bush’

A Hora Mais Escura (2012)

a_hora_mais_escura_poster_0

emcartaz2

Para simplificar e deixar bem claro, o tema principal deste filme é: como os Estados Unidos encontraram e mataram Osama Bin Laden.

Agora outro detalhe importante. País de produção do filme: Estados Unidos.

Isto posto (e você deve estar ciente das informações acima antes de assisti-lo), podemos analisar A Hora Mais Escura como uma esforçada tentativa de seus produtores de contar um dos casos de eliminação de inimigos número 1 mais nebulosos da história recente.

Imagine a dificuldade de se fazer um filme desse. É claro que a CIA nunca abriria completamente o jogo sobre sua forma de operação no caso, por mais que Hollywood pedisse.

Temos então um longa em que o governo americano claramente decidiu o que seriam os “publicáveis” fatos reais. A verdade nua e crua só pode ser encontrada mesmo em algum lugar de nossa imaginação, portanto.

A protagonista Maya, interpretada por Jessica Chastain (A Árvore da Vida), é uma agente da CIA que por anos trabalha na investigação sobre o paradeiro de Osama e não descansa até encontrar o barbudo. Para isso, ela bate de frente com vários figurões da Inteligência que acabam engolindo tudo a seco, tamanha a competência e determinação da moça.

O enredo, obviamente calcado em uma linguagem investigativa, chega nas portas do massante na primeira metade do filme. Algo mais conciso seria muito bem-vindo, por mais que o objetivo fosse evidenciar toda a complexidade da ação.

O momento da captura de Bin Laden é o grande auge, e a hora de maior tensão. Nota dez para a diretora Kathryn Bigelow que tomou o cuidado de não fantasiar sobre a invasão das tropas à residência do terrorista. Nada de glamourização para valorizar superficialmente o fato retratado.

Indicado a 5 Oscars na edição de 2013, A Hora Mais Escura abocanhou (empatado com 007  – Operação Skyfall) o prêmio de Melhor Edição de Som.

Envolvido em diversas polêmicas, como a cena inicial com áudios reais de vítimas do 11/09 no momento da tragédia, e o adiamento de sua data de lançamento para não coincidir com as eleições presidenciais americanas, o filme deve ser visto com certa parcimônia.

E se você achar as cenas de “tortura” leves demais, seja bem vindo à história americana segundo os próprios. É para poucos…

TRAILER

http://www.youtube.com/watch?v=SvXTjHL5BGY

Pesquisar
Categorias
UserOnline
Parceiros